sexta-feira, 23 de julho de 2010

BEIÇOS, BEIJOS E DESEJOS


BEIÇOS, BEIJOS E DESEJOS
Oswaldo Antônio Begiato
 
Enquanto o rio corre molhando os pés da inocência
E pesadas pedras se escondem das carícias úmidas
Amo. Amo com todo o ímpeto de meu sangue.
 
As recriminações se põem a mexer com meus nervos.
As dissipações dos sentimentos foram pagas com juros
Aos corações certos e nas datas indicadas pelo pranto.
 
Afogo-me em correntes cristalinas como um cão sedento.
 
Entre pedras fico sem beiços para ofertar beijos. É o fim.

10 comentários:

Milene Sarquissiano disse...

Quem beija com palavras, tocando sem encostar,não precisa de beiços,poeta.

Adoro vir aqui e roubar um beijinho teu.

Que bonita poesia...

Parabéns!

Milene

Mila disse...

Seus poemas são maravilhosos, de uma intensidade magnífica...

Bjs

Mila Lopes

"Cantinho Poético" disse...

Te desejo um Feliz Sábado!
Um beijo carinhoso prá ti...M@ria

Neneca Barbosa - Um ser humano em evolução! disse...

Mais uma pérola em seu colar que é de um tamanho imensurável. Sua alma transborda sentimentos intensos.
Um ótimo final de semana.
Beijos!

"Cantinho Poético" disse...

Faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar.
Faça com que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim me sentir como se estivesse plena de tudo.
Receba em teus braços o meu pecado de pensar.”

Clarice Lispector

Feliz Semana com amor e poesia.
Beijos de coração prá coração! M@ria

Maria Valéria Revoredo disse...

Que lindo! Que delícia ler suas poesias! Lindo, lindo! Profundo... profundo... Beijos meu querido. Não deixe jamais de semear a poesia em nossos corações... Você é contagiante!

Cidinha Fiore disse...

Felizmente recebi um email em que havia um pps : Oração a mim mesmo. Chorei, me tocou tão forte e pensei que precisava do texto, autor, tudo que pudesse ser indentificado, para colocar em meu modesto blog, foi quando conheci teu endereço, teu caminho, tuas origens, teu interior. Quanta harmonia e quanta lágrimas derramei, em ler tanta beleza, como o poema do olhar dos teus pais.É um presente ficar horas em tua companhia, quando eu melhorar meu interior, voltarei para não mais chorar. E ler Vc, acompanhada de um bom vinho e queijo. De sobremesa ficarei com cada beleza que aqui eu encontrar, além das que já li sôfregamente. Admirada, encantada e aproveitando para parabenizar a familia linda que vc possue. Saúde e paz, junto com todo meu carinho e amor para Vcs. Beijos... Cidinha Fiore

Sél disse...

Demorei mais voltei rsrs
É bom ler, além das suas poesias, declarações de mais admiradores que aqui chegam e se encantam como eu m encantei...rsrs
É ótimo - mais olhos e corações recebendo suas belas palavras.
Parabéns.
E amando sempre! hahaha
Bjs e uma semana abençoada prá vc.

Anônimo disse...

Qado, querido, poeta de todas as horas!
Sua poesia me deixa com um gosto de vida na minha boca. Vida com todas as suas circunstâncias: alegria, tristeza, dor, cura, partida, chegada, vaziez, cheieza... Isso pode não significar nada, mas é a minha sensação de voce.
Beijo sua palavra!
www.neuzamariakerner.blogspot.com
Neuzamaria Kerner

Anônimo disse...

necessario verificar:)