segunda-feira, 4 de maio de 2009

SEREIA



SEREIA
Oswaldo Antônio Begiato

Canta-me!

Se me cantares
prometo,
com as mais ternas palavras
que eu puder recolher
no poço dos desejos,
jurar-te amor eterno.

Apenas canta-me,
porque encantado
já estou.

7 comentários:

POESIA disse...

Que encantador..que encantamento...O canto de sua alma perfuma e enraiza em meu coração...Sempre sua fã..incondicional

Neneca Barbosa - Um ser humano em evolução! disse...

Linda poesia,amigo! Seus versos encantam mesmo! Tenha uma boa tarde! Bjs!

Aninha disse...

É uma bela e romântica poesia!
Parabéns, W! bjs

Mírian Warttusch disse...

"Se a ouvir cantar,
Você vai se apaixonar...
Se a ouvir cantar
Você vai pro mar...

Se a ouvir cantar
Sopra um vento frio
Se a ouvir cantar
Você vai pro rio"

Combina este meu canto, poeta,
com teus lindos versos.

Cuidado com a sereia... cuidado...

Mírian Warttusch

Fada do Mar Suave disse...

Tudo lindo e encantador. O coração bate mais forte quando aqui passo.
Beijosssssssssssssssss

Ana Lia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Lia disse...

Gostei muito do seu blog.
Amei sua poesia, seu estilo..por isso a postei em meu blog com a devida autoria(www.cremedeletras.blogspot.com).
Abraço afetuoso