segunda-feira, 6 de outubro de 2008

IMORTAL


IMORTAL
Oswado Antônio Begiato

Imortal
É quem sabe ler os lábios,
Obedecer aos olhos,
Ouvir o silêncio interior
E arrepiar a pele sem tocá-la.

Imortal
É quem sabe beijar sem boca
Nas horas mais agônicas da vida,
Inebriar-se com paisagens alheias
Mesmo com vendas escuras nos olhos,
Abandonar o sono letárgico
Sem a ajuda cruel do despertador,
Deixar-se penetrar sem fendas
Como óvulo à mercê do espermatozóide.

Imortal
É quem sabe amar sem coração.
É quem sabe absolver sem penitências.
Escrever sem palavras.
Perdoar sem crença.
Rezar sem fé.
Ensinar sem nunca ter aprendido.

Imortal
É quem morre à noite
Como um anão derrotado
E ressuscita na manhã seguinte
Como um gigante indomável,
Todos os dias,
O tempo todo.

3 comentários:

bridakaloo disse...

Absurdamente...infinitamente bela essa sua poesia... nela está contida toda a doçura inerente a ti...qt a ti...meu poeta...és imortal na sua ética...na sua doçura..na sua sensibilidade, perante este mundo, as vezes tão caotico...saber da existencia de pessoas como vc...me faz acreditar ainda na capacidade de amar dos seres-pensantes...possuis a humanidade, que é a imortalidade dos mortais...grande beijo pra ti...meu poeta maior....que os Deuses protejam sempre teu "andar" na existencia.....Tenho uma imensa admiração por ti...Beijos...beijos...ad eternum

Anônimo disse...

Nao tenho palavras pra dizer o quanto me emociono ao ler suas poesias.
Você é a IMORTALIDADE poética inegavelmente, com sua doçura, sua sabedoria e todo esse romantismo que me fascina
te amo poeta lindo

beijos

Ceição Bentes

Sél disse...

Emocionante Oswaldo! Que bela poesia..
Na primeira visita q fiz a seu blog, comentei que me emocionei com suas palavras.
Hoje estou lendo suas poesias em arquivo e essa "Imortal" é maravilhosa!
Disse que guardaria algumas daqui em meu blog, e essa é a primeira que "levarei" de você ^^
Que os Anjos te inspirem cada dia mais - que sua inspiração seja imortal ^^
Abraços querido, e boa semana.